engenharia, engenharias, vaga para engenheiro

engenharia, engenharias, vaga para engenheiro

engenharia, engenharias, vaga para engenheiro

engenharia, engenharias, vaga para engenheiro

Não foi acidente Foi um crime

Nota Oficial do conselho de Arquitetura e Urbanismo sobre a tragédia de Brumadinho.

O conselho de Arquitetura e Urbanismo no Brasil se solidariza com a população pelo rompimento de uma barragem do complexo de mineração da Vale do Rio Doce em Brumadinho.

Mais uma tragédia anunciada, está expressão já esta a ponto de se banalizar no Brasil com tamanha repetição de acidentes ambientais.

após mais ou menos 3 anos desse "acidente" os bombeiros ainda procuram corpos da tragédia, o STJ nega recursos e mantém na Justiça Federal, o orgão concordou com o pedido do Ministério Publico de MG, para deixar o processo de homicídio na Justiça Federal . A polícia Federal indica a Vale, TUV SUD 19 pessoas por rompimento da barragem em Brumadinho, a STJ decide que o ex-Presidente da Vale não é mais o réu do caso.

270 pessoas morreram pela lama tóxica e ainda faltam 6 pessoas ás quais são chamadas de joias pelos bombeiros, ainda a serem achadas. Máquinas estão sendo montadas e deveram ser usadas por esses dias, para separar os rejeitos de minérios para agilizar os trabalhos que ainda não tem uma data para terminar.

A Vale disse que trabalha até 2025 todas as suas barragens rodeadas pelo Brasil, para que não estejam em condições críticas de segurança.

Já a TUV SUD, lamenta o ocorrido e não concorda com as denúncias de acusação e diz que não vai se manifestar durante o processo.

Nesse momento á 122 barragens em 23 estados do Brasil em estado crítico; significa que o modelo de negócio continuar a priorizar os produtos ao invés de pessoas, nós não estaremos seguros em lugar nenhum.

 

227 visualizações

Olá, você só poderá enviar comentários quando se registrar ou realizar seu login.